A importância do upskilling e o papel do RH na sua implementação

A importância do upskilling e o papel do RH na sua implementação

Entenda a importância do upskilling e como profissionais de RH podem investir nessa abordagem para desenvolver equipes e pessoas.

Cerca de 97 milhões de novas oportunidades de carreiras podem surgir no mercado global até 2025, segundo o World Economic Forum. O mercado de trabalho está passando por transformações profundas, sendo afetado por novas tecnologias e novos comportamentos sociais. À medida que novas profissões emergem, novas skills são requeridas para manter os times cada vez mais especializados e competitivos. É disso que se trata o movimento de upskilling.

Ao longo de suas carreiras, profissionais de diversos setores devem continuar estudando para chegar ao próximo patamar, seja para alcançar um nível pleno, sênior, virar especialista ou mesmo assumir um cargo de liderança. O aprendizado contínuo faz parte desse processo de crescimento e traz consigo o mindset de desenvolvimento, seja para crescer na área de atuação ou para investir em uma nova profissão.

Por que adotar o upskilling na sua empresa?

De acordo com uma pesquisa realizada pela McKinsey & Company, nove em cada dez gerentes já sofrem com a escassez de habilidades em algumas profissões. E 87% das empresas não possuem o talento que precisarão para o futuro.

Por isso, o tema tem ganhado destaque nos últimos anos. Segundo o Workplace Learning Report, desenvolvido pelo LinkedIn em 2021, o upskilling e reskilling são prioridade para 59% dos entrevistados, por exemplo. Isso se dá, principalmente, em função da aceleração da automação e incerteza econômica causada pela pandemia. 

Esse movimento faz com que grandes empresas ao redor do mundo se dediquem a investir em seus colaboradores, estimulando o aprendizado de novas habilidades. A JP Morgan Chase, por exemplo, somou cerca de US$350 milhões ao seu plano de US$250 milhões para aumentar a qualificação de sua força de trabalho, de acordo com o World Economic Forum.

Além disso, investir nessas abordagens de desenvolvimento ajuda a diminuir os custos de contratação e dissemina uma cultura de valorização dos colaboradores. Na maioria das empresas não é comum buscar pelo preenchimento de lacunas de habilidades dentro da própria organização. Normalmente, cria-se consciência da questão apenas quando abrem uma vaga. Antes disso, não param para analisar se algum dos colaboradores já presente na empresa poderia suprir os gaps detectados.

Isso não significa que todas as vagas devem ser preenchidas internamente, mas é um ótimo argumento para convencer as empresas a reverem as suas estratégias, afinal, apostar no upskilling pode ser um grande diferencial competitivo para o crescimento dos negócios.

Qual o papel do time de RH na estratégia de upskilling?

Neste cenário, os times de RH têm um papel crucial para que, nos próximos anos, as companhias não sofram com a escassez de talentos, tendo que garantir que os profissionais continuem acompanhando as transformações do mercado. 

Para as empresas é importante estar atento às lacunas de habilidades em cada equipe com o objetivo de sempre investir na qualificação e requalificação dos seus colaboradores. Ter este olhar atento, detectar quando um profissional precisa de treinamentos e capacitações ou quando deve ser realocado em uma nova área é vital para o sucesso da organização.

Por isso, o profissional de recursos humanos, cada vez mais, precisa estar por dentro das novidades do mercado e ter a tecnologia como sua aliada para ser referência no setor. Ou seja, o conceito de upskilling deve ser uma constante na vida desse profissional.

Como implementar o upskilling em minha empresa?

O primeiro passo para implementar uma estratégia ou programa de upskilling na sua empresa é entender o que a organização busca ao investir no aperfeiçoamento dos colaboradores. Para que todos aproveitem ao máximo os benefícios do upskilling, é preciso ter uma compreensão das necessidades do negócio e os obstáculos a serem contornados.

Depois disso, é preciso escolher qual estratégia será usada para aplicar o upskilling na gestão de carreiras. Alguns exemplos de estratégias que pode ser utilizadas são:

  • Métodos inovadores de aprendizagem, como cursos online.
  • Programas de mentoria para determinados colaboradores.
  • Por fim, após ter identificado quais as demandas da empresa e escolhido qual estratégia utilizar de acordo com seu objetivo, basta aplicar nos profissionais que serão desenvolvidos.

Na Voxy, oferecemos treinamentos corporativos totalmente digitais e focados nas necessidades específicas de aprendizado de cada colaborador. Por meio de inteligência artificial, nossa plataforma personaliza o conteúdo mais adequado a cada indivíduo de forma a aumentar o engajamento e incentivar o aprendizado constante.

Para saber mais, agende uma demonstração e veja como você pode aumentar a produtividade das suas equipes com a nossa solução de capacitação corporativa.

Saiba mais sobre treinamentos modernos de idiomas e boas práticas de T&D!